sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

TUDO NA VIDA SÃO ESCOLHAS


Tudo na vida são escolha.

Esta é a maior verdade da vida e a sua mais difícil lição.
É uma grande verdade porque nos faz lembrar o poder que temos para sermos nós mesmos e vivermos a vida que desejamos.
Um poder de que não nos damos conta e de que muitas vezes abrimos mão.

A lição é difícil porque nos faz perceber que a vida que temos agora é escolha nossa. Talvez seja assustador pensar que escolhemos viver nossa vida exatamente como ela é. Assustador porque, quando paramos para pensar na forma que vivemos hoje, talvez não gostemos do que constatamos. Mas é também profundamente libertador, porque nos permite começar a escolher o que queremos encontrar quando olharmos para nossa vida nos amanhãs que estão diante de nós.
O que você quer ver quando olhar para a sua vida daqui a dez anos? O que escolherás?

A vida é feita de escolhas.

Você escolheu viver este dia.
Escolheu ler este texto.
Escolheu morar numa determinada cidade.
Escolheu acreditar em certas ideias.
Escolheu as pessoas a quem chama de amigos.

Você escolhe a comida que come,
as roupas que veste
e os pensamentos que tem.
Escolhe estar calmo ou inquieto,
sentir gratidão ou hostilidade.

O amor é uma escolha. A raiva é uma escolha. O medo é uma escolha. A coragem é uma escolha.

Você escolhe.

Às vezes escolhemos o que temos de melhor, às vezes escolhemos o que existe em nós de pior.
Tudo na vida são escolhas, e nossas escolhas têm consequências pela vida a fora... pela história a fora ... e assim por diante, por toda eternidade.
A maioria das pessoas nunca chega a aceitar essa verdade.
Elas passam a vida inteira dando explicações para suas fraquezas, se lamentando ou culpando outras pessoas por suas deficiências e pela sorte  que lhe coube na vida.
Talvez você alegue que é obrigado a viver numa certa cidade ou ter certo tipo de carro ou emprego, mas isso não é verdade. E, caso seja, é devido a alguma escolha que você fez no passado.
Nós fazemos as escolhas, e ao escolher traçamos o rumo das nossas vidas.

Alguns talvez digam que não escolhemos nossas circunstâncias. Você talvez duvide, mas nós temos muito mais poder sobre as circunstancias de nossas vidas do que a maioria dos homens e mulheres jamais admitiria. E mesmo que certas circunstâncias nos sejam impostas, nós é que escolhemos a forma de reagir a elas.
Outros talvez digam que não escolheram o seu país de origem nem os pais que tiveram. Mas como ter certeza de que não escolhemos? Todos temos livre-arbítrio. Quem garante que não tínhamos livre-arbítrio antes de nascer? Talvez um dia venhamos a descobrir que nossas escolhas vão muito além do que imaginamos.

Eu espero que esse dia seja hoje.

Pois o dia em que aceitarmos a ideia de que não escolhemos escolher nossas escolhas será aquele em que romperemos os grilhões e deixaremos a condição de vítimas, ficando livres para construir as vidas que nascemos para viver.


Aprenda a tomar consciência dos momentos de decisões e das escolhas que você pode fazer. Então sua vida será totalmente transformada.


Mattew Kelly – “O Ritmo da vida“– ed. Sextante.


8 comentários:

  1. Olá amigo. Muito bom este seu artigo e está de parabéns pelo seu blog, você fala de temas de gosto muito, inclusive aproveitei umas falas suas para melhorar um artigo meu OBRIGADO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. 😉 show arrazou neste texto e bem por ai mesmo temos o livre arbitreo, e as vezes as maiores escolhas sao as que nos faz derrotados diantes das consequencias infelizmemte temos imperfeicao que esra arraigada dentro de nos podemos ate controlar mas as vezes ela supera a nossa razao e passamos a agir pela emocao ....

      Excluir
  2. ISSO QUE EU CHAMO DE ARTE DA ESCOLHA DA VIDA ESCREVEU DE UMA FORMA PURA E VERDADEIRA SOBRE A VIDA, SOBRE CONTEUDOS E VALORES

    ResponderExcluir
  3. Realmente muitas coisss são escolhas que fazemos... Mas nem tudo escolhemos, A situações em que a vida escolhe por nós e o que temos a fazer é nos adaptar e administrar Não somos 100% livres!!!

    ResponderExcluir
  4. Muito bom, acredito que seja assim .

    ResponderExcluir
  5. Perfeito!!!
    Compartilhei pois acho necessário que o mundo o descubra.
    Abraços.

    ResponderExcluir